O Que é Feito Dos Protagonistas de Médico de Família, a Popular Série Que a SIC Exibiu Entre 1998 e 2000

Baseada na homónima série espanhola de elevada popularidade, "Médico de Família" estreou na SIC em 1998 e rapidamente cativou a atenção do público português que, durante dois anos, acompanhou a par e passo as peripécias do quotidiano familiar de Diogo Melo, um médico viúvo que, para além de lidar com os problemas dos seus pacientes num centro de saúde lisboeta, tem também que cuidar do seu pai e dos seus filhos com a preciosa ajuda da sua simpática cunhada e de uma divertida empregada doméstica. Cerca de quinze anos após o seu final, "Médico de Família" continua a deixar saudades junto dos portugueses e ainda é recordada como uma das maiores e melhores produções televisivas da SIC, tendo por isso permitido a praticamente todos os seus protagonistas alcançar novos vôos ou então fechar ciclos de carreira com um enorme brilho. 

Fernando Luís (Dr. Diogo Melo)

Vestiu a pele do por vezes complexo mas sempre abrangente Dr. Diogo Melo com muito profissionalismo e personalidade, tendo com isso conquistado os corações dos portugueses. A sua brilhante performance nesta série permitiu a Fernando Luís continuar ativo na área da representação, quer na televisão, quer no cinema, onde se destacam as participações em filmes portugueses bem conhecidos, como "Noite Escura" (2004), de João Canijo, ou "América" (2010), de João Nuno Pinto. Mas foi na televisão que Fernando Luís teve mais oportunidades, sendo exemplo disso a sua presença assídua em produções de elevado mediatismo da SIC, RTP e TVI, como "Equador", "Fascínios", "Sentimentos", "Bocage", "A Minha Sogra é Uma Bruxa", "Jardins Proibidos", "Sol de Inverno" ou "Inspector Max". A sua carreira deverá permanecer bem ativa neste sector nos próximos anos, pelo menos a julgar pelas performances consistentes que arranca em todos os projetos que participa. 

Rita Blanco (Teresa Galvão)

No papel de Teresa Galvão, uma das principais confidente do protagonista e dos seus jovens filhos, Rita Blanco provou uma vez mais com Médico de Família" que possui um talento nato para a representação, algo que já havia confirmado em produções passadas, mas para todos os efeitos práticos de popularidade foi esta série que lhe permitiu alagar horizontes e começar o novo milénio com um novo fôlego profissional que a tornou naquela que é, presentemente, uma das atrizes portugueses mais famosas e conceituados do país. Entre séries, telenovelas, filmes e até anúncios publicitários, Rita Blanco tem espalhado nestes últimos anos a sua magia por Portugal e pela Europa graças a participações de luxo em projetos também eles de muita qualidade, como por exemplo a popular comédia "A Gaiola Dourada" (2013), de Rúben Neves, o poderoso drama "Sangue do Meu Sangue" (2011), de João Canijo, ou a consagrada série "Conta-me Como Foi". Vencedora de três Globos de Ouro em Portugal, Rita Blanco já tem vários projetos futuros em mente e certamente continuará a mostrar todo o seu talento dentro e fora do país. 

Henrique Medes (José de Melo)

Interpretou o carinhoso e sábio pai do protagonista e transpareceu sempre a sua inerente experiência de vida num papel que lhe assentou que nem uma luva. Finda a participação na série ainda apareceu em alguns projetos televisivos de valor, tendo-se mantido ativo na sua profissão de eleição até ao ano da sua morte. Faleceu em 2004 aos 73 anos. 

Maria João Abreu (Lucinda)

Será sempre recordada como a divertida empregada doméstica da Família Melo, que Maria João Abreu interpretou sempre com muita energia e com um claro toque de comédia. Tal como os seus ilustres companheiros de elenco, Maria João Abreu manteve-se muito ativa após o final da série, especialmente no teatro e na televisão, onde se destacam as suas participações no famoso telefilme "Amo-te, Teresa" (2000), bem como nas séries "Conta-me Como Foi" e "Aqui Não Há Quem Viva" ou nas populares telenovelas "Jardins Proibidos", "Remédio Santo" ou a recente "Mar Salgado". Seja na RTP, SIC ou TVI, Maria João Abreu certamente continuará a iluminar o pequeno ecrã português com a sua boa disposição.

Sara Norte (Mariana Melo) e Francisco Garcia (Pedro Melo)

Os dois jovens atores mais proeminentes do elenco de "Médico de Família" sempre estiveram bem nos seus respectivos papéis de filhos mais velhos do Dr. Diogo Melo, mas após o final da série pouco sucesso alcançaram. Entre 2000 e 2002, Francisco Garcia ainda se conseguiu manter ligado ao mundo da televisão por intermédio de participações em projetos da RTP, mas após este período desapareceu do mapa, tendo mais tarde reaparecido para apresentar um programa de entretenimento infantil intitulado "Disney Kids" que, de certa forma, impulsionou novamente este jovem ator para tentar novos vôos neste sector. Nos últimos anos, Francisco Garcia tem apostado no seu regresso ao palco central da área televisiva, tendo conseguido várias participações secundárias em projetos nacionais e internacionais, mas o seu futuro nesta área fortemente competitiva é ainda uma incógnita. Já Sara Norte, filha do ator Vítor Norte, teve um caminho bem mais atribulado. A jovem atriz saiu de cena após a sua participação na série "Lusitana Paixão" da RTP em 2002. Nos anos que se seguiram participou apenas na série "Morangos Com Açúcar" da TVI e, quase sem deixar rasto, deixou praticamente de ser falada ou vista no palco mediático, tendo voltado a reaparecer em força perante os portugueses pelas piores razões quando pormenores polémicos da sua vida privada vieram a público e alimentaram muita discussão nas revistas cor de rosa. Sara Norte parece ter conseguido ultrapassar os seus problemas pessoais e já nos últimos anos teve algumas participações especiais em projetos televisivos, mas parece que a porta desta indústria está praticamente fechada para esta outrora promissora atriz.

Ricardo Carriço (Júlio) e Rodrigo Saraiva (João)

Podem ter interpretado personagens secundárias em "Médico de Família", mas tanto Ricardo Carriço como Rodrigo Saraiva conquistaram o seu espaço na série e souberam aproveitar as suas oportunidades para darem às suas personagens divertidas e descontraídas um espaço merecido no coração dos espectadores. Com o fim da série, Ricardo Carriço dedicou-se a outros projetos televisivos e ainda hoje é uma presença assídua nas principais telenovelas da SIC e TVI, podendo atualmente ser visto em "Mar Salgado". Rodrigo Saraiva também se manteve sempre perto do pequeno ecrã e participou em várias telenovelas da SIC e da TVI, como "Morangos Com Açúcar", "Rebelde Way", "Floribella", "Belmonte" ou "Laços de Sangue". Ao contrário de Ricardo Carriço, Rodrigo Saraiva não é propriamente uma das caras principais do panorama televisivo português, mas embora discreto parece ter todo o potencial para permanecer no radar dos produtores televisivos durante uns bons anos. 

Outros Atores

Entre todos os membros do elenco central de "Médico de Família", apenas Karina Queiróz, que interpretou o membro mais novo do Clã Melo, e Sofia Cerqueira, que interpretava a melhor amiga da personagem de Sara Norte, desapareceram por completo do radar mediático nacional. Os restantes atores principais continuam ativos, sendo o perfeito exemplo desta afirmação o ator José Raposo que continua a ser uma presença assídua em peças de teatro um pouco por todo o país, tendo também assiduamente vários papéis secundários de relevo em projetos no cinema e televisão, como as recentes participações no filme "7 Pecados Rurais" (2014) ou na telenovela "Mar Salgado". Em breve terá uma participação no remake cinematográfico do clássico português "O Leão da Estrela", de Leonel Vieira. A atriz São José Lapa também permanece relativamente ativa no panorama televisivo português, tendo recentemente participado na série "Água de Mar". Já a veterana Florbela Queiroz afastou-se um pouco do plano televisivo, mas mantém vínculos ao mundo do teatro.

0 comentários:

Enviar um comentário

 

Descontos Em Bilhetes de Cinema

Crítica da Semana


Membro Oficial

Membro Oficial