Pérolas Indie - Shaun the Sheep (2015)

Realizado por Richard Starzak e Mark Burton
Género - Animação

Sinopse - Choné, uma ovelha esperta e matreira, vive com o seu rebanho na quinta Vale Verdejante sob a supervisão do Agricultor e de Bitzer, um cão pastor com boas intenções, mas pouco eficaz. Apesar dos esforços da Ovelha Choné, a vida na quinta caiu numa rotina enfadonha e ela conjura um plano engenhoso para conseguir um dia de folga. No entanto, o plano da Ovelha Choné descontrola-se rapidamente e faz com que o indefeso Agricultor acabe longe da quinta. Com a ajuda do rebanho, Choné tem de deixar a quinta pela primeira vez e viajar até à Grande Cidade, para salvar o Agricultor… e falhar não é uma opção. Mas, como irão as ovelhas sobreviver? Conseguirão passar despercebidas, evitar que descubram que são ovelhas e dessa forma manterem-se a salvo das garras do malvado funcionário do controlo animal?

Crítica - "Shaun the Sheep" tem como base a famosa e homónima série de animação infantil que, por sua vez, é uma spin-off de "Wallace and Gromit", outra popular série infantil britânica com louvores já reconhecidos internacionalmente e já com ilustres passagens pelo cinema. Como parte integrante que é da família "Wallace and Gromit", "Shaun the Sheep" mantém portanto bem vincadas as populares características que fizeram deste franchise um sucesso mundial. 
Produzido pela consagrada Aardman Animations e realizado pelos experientes cineastas Richard Starzak e Mark Burton, "Shaun the Sheep" apresenta-nos, em primeiro lugar, uma animação stop-motion absolutamente irrepreensível do ponto de vista técnico. Uma vez mais, a Aardman Animations mostra-nos o seu enorme valor e cria um filme tecnicamente perfeito na já pouco badalada arte da animação stop-motion. Nada há mais a apontar à beleza técnica desta produção que, assim, torna-se em mais uma brilhante joia da coroa da Aardman, juntamente com outras obras igualmente consagradas, como "Chciken Run" (2000) ou "Wallace & Gromit: The Curse of the Were-Rabbit" (2005).
Este filme promove também uma história divertida para todas as idades. Esta não apresenta uma grande complexidade moral ou dramática, mas é ardilosamente explorada pelos seus responsáveis, algo que lhe confere um toque muito próprio de sensibilidade e diversão.  Embora seja claramente direcionada para um público mais infantil, "Shaun the Sheep" consegue ainda assim cativar um público mais velho graças ao humor simples mas prático que acompanha a simples mas competente aventura da Ovelha Choné, aventura essa que é também polvilhada por breves mas curiosas mensagens ecológicas, familiares e até sociológicas. O resultado final é assim muito interessante. É um bom filme para a família mas sobretudo para os mais novos, representando também uma ótima oportunidade para lhes ser apresentado um tipo de cinema diferente do americano mas igualmente divertido.

Classificação - 4 Estrelas em 5

0 comentários:

Enviar um comentário

 

Descontos Em Bilhetes de Cinema

Crítica da Semana


Membro Oficial

Membro Oficial