Apresentação do SCI-DOC-Festival Europeu de Documentário Científico de Lisboa

Entre os dias 1 e 4 de Dezembro realiza-se na Cinemateca Júnior e no Pavilhão do Conhecimento o SCI-DOC Festival Europeu de Documentário Científico de Lisboa. Este novo festival no panorama nacional engloba a exibição de documentários de vários quadrantes mas com um denominador comum, a ciência. Entre a exibição de projetos documentais destaca-se, neste ano de estreia, a realização de dois programas especiais de exibição. O primeiro destes programas consiste na exibição de episódios seleccionados da série de animação "Era Uma Vez... A Vida", de Albert Barillé, que celebra em Janeiro próximo o seu 30º aniversário. O segundo programa especial é programado pela Cinemateca Portuguesa – Museu do Cinema, um dos parceiros de exibição do SCI-DOC. Este programa é composto por filmes documentais do seu arquivo (ANIM) produzidos entre as décadas de 40 e 80. Em duas mostras deste programa será possivél visionar filmes portugueses na área da educação alimentar, já a terceira mostra consiste em dois documentários da União Soviética que evocam a figura do cosmonauta Iúri Gagárin.
Este certamente também terá uma Competição Oficial, cuja programação competitiva está dividida em oito categorias, sendo elas: Ambiente, Ano da Física, Documentário, Investigação Médica, Mulheres na Ciência, Novos Media – Não Interactivo, Programas de TV Generalistas, TV Drama e Docudrama. Entre os filmes nomeados, destaque para "David Attenborough’s Light on Earth", que nos dá a conhecer a bioluminescência, luz produzida por seres vivos, nos diferentes elementos da natureza. Um outro destaque vai para "Chernobyl 30 Years After", uma visita 30 anos após o desastre de Chernobyl que nos mostra o que já foi feito e ainda falta fazer no local. A estes juntam-se ainda várias produções de conceituadas produtoras europeias como a BBC, Arte France e ZDF.
O Keynote desta edição do festival desenrola-se dobre o tema: Crocodilos, Sexo e Cicatrizes – Inesperadas Descobertas na Investigação Biomédica e as suas Aplicações Comerciais. A palestra sobre este tópico será conduzida pelo professor Mark Ferguson e terá lugar logo após a cerimónia de entrega de Prémios, no dia 4 de Dezembro, pelas 20h15 no auditório do Pavilhão do Conhecimento. No dia 2 de Dezembro, as 19h na Cinemateca Júnior haverá uma Talk cujo programa, tema e intervenientes será anunciado brevemente. Ao todo estão programados mais de 30 filmes e o festival conta com 20 sessões de cinema. 
O Festival surge de uma organização conjunta entre a Ciência Viva, a EuroPAWS e a EuroScience, entidades de investigação e divulgação científica e tecnológica, contando já com uma história de dez anos de existência no formato de festival itinerante, tendo já passado por diferentes cidades europeias em edições passadas. Em 2012, a Cerimónia de Entrega de Prémios fixa-se em Lisboa, surgindo associada ao Festival no ano passado. Em 2016 ganha uma nova identidade pelas mãos da Apordoc – Associação pelo Documentário que, a convite dos organizadores, assume a produção do evento e aproxima esta iniciativa de âmbito europeu ao mundo do cinema documental.  Todas as actividades e sessões promovidas pelo SCI-DOC são de entrada gratuita pois trata-se de uma iniciativa levada a cabo com um intuito puramente educativo e de interesse cultural. Consulte a Progaramçaõ do festival em http://www.scidoc.eu/120/Agenda

0 comentários:

Enviar um comentário

 

Descontos Em Bilhetes de Cinema

Crítica da Semana

Membro Oficial

Membro Oficial