Os Smurfs São Comunistas?

A polémica instalou-se na América Latina após se descobrir que, para explicar as bases do comunismo, um livro didático utilizado em escolas do Paraguai utiliza como exemplo prático o funcionamento da aldeia dos Smurfs, as populares personagens azuis. Por intermédio desta comparação exemplificativa, o texto do manual explica ao seu público alvo, as crianças, que na Aldeia dos Smurfs não existem figuras economicamente poderosas e que todos são economicamente iguais. É demonstrado ainda que cada Smurf tem a sua tarefa especifica e que em conjunto os Smurfs promovem o equilíbrio laboral, económico e social da Aldeia, isto tudo sem dependerem do consumo ou comércio e de fatores externos. O manual, no fundo, tenta demonstrar que, tal como numa Sociedade Comunista, a Aldeia dos Smurfs é dominada por ideias relativas ao poder do proletariado e à independência das noções de capitalismo, consumismo e dependência económica. É óbvio que tal comparação enfureceu vários quadrantes da sociedade um pouco por todo o mundo, já que a inocência dos Smurfs nada tem a ver com o Comunismo.

0 comentários:

Enviar um comentário

 

Descontos Em Bilhetes de Cinema

Crítica da Semana

Membro Oficial

Membro Oficial