Lendas Vivas do Cinema Nacional - Isabel Ruth, a Maggie Smith Portuguesa

Isabel Ruth nasceu em Tomar em 1940. Veterana atriz portuguesa, Ruth participou, até ao momento, em mais de cinquenta produções nacionais e internacionais, tendo trabalhado com a maior parte dos mestres do cinema nacional, como Manoel de Oliveira, Paulo Rocha, Pedro Costa, Teresa Villaverde ou João Botelho. Entre as obras em que participou destaca-se o clássico nacional “Os Verdes Anos”, filme que a lançou para a sétima arte. Neste contexto destacam-se também outras obras de relevo nacional em que participou e que ajudaram a celebrizá-la em todo o mundo, como por exemplo “A Caixa”, “Ossos" ou “Os Mutantes”. Fora de portas, Ruth também brilhou e ainda é reconhecida pelas suas participações em “Édipo Rei”, a obra de 1967 do icónico cineasta Paolo Pasolini, oi "Il Rapporto" (1968), de Leonello Massobrio. Aos setenta e sete anos de idade, Ruth ainda brilha ao mais alto nível, tendo recentemente participado no drama "Treblinka", de Sérgio Tréfaut. Em 2017 ainda estrearão dois filmes em que participa, "Seara de Vento" e "Portugal Não Está à Venda". Sem sinais de abrandar a sua atividade na representação, espera-se que Ruth continue a brindar o cinema português com a sua enorme presença e qualidade.

0 comentários:

Enviar um comentário

 

Descontos Em Bilhetes de Cinema

Crítica da Semana

Membro Oficial

Membro Oficial