Crítica - Even Lambs Have Teeth (2016)

Realizado por Terry Miles
Com Kirsten Zien, Tiera Skovbye, Darren Mann

Este filme de terror nitidamente independente começa por iludir o espectador ao impulsionar uma história já muito vista em filmes de terror, mas a certa altura introduz um twist que, infelizmente, também não é novidade para o género. Dito por outras palavras, "Even Lambs Have Teeth" começa por dar a entender que a sua trama se irá centrar, apenas, numa vertente gore que mostrará, passo a passo, o sofrimento de duas jovens raparigas que, aparentemente e entre torturas, irão lutar pela sobrevivência contra os seus violentos raptores. 
Não é propriamente uma premissa nova, mas "Even Lambs Have Teeth" decidiu inovar, mas o twist dado também não é propriamente uma novidade. Sem estragar a grande força do filme, que é precisamente esta mudança de chip, pode-se dizer que, efectivamente, "Even Lambs Have Teeth" transforma-se num filme gore, mas sob uma perspectiva diferente que nos faz recordar o clássico " I Spit on Your Grave", daí não ser propriamente original. Este caminho tem sido, no entanto, bem menos explorado e isso acaba por fornecer alguma redenção a este projeto que, verdade seja dita, não é nenhuma maravilha narrativa. Os seus elementos positivos prendem-se, quase exclusivamente, com as brutais sequências de homicídio que vão aparecendo, sendo que tais cenas acabam por ocupar boa parte do filme o que já diz bastante do seu grande objetivo e missão! 

Classificação 2 Estrelas em 5

0 comentários:

Enviar um comentário

 

Descontos Em Bilhetes de Cinema

Crítica em Destaque

Membro Oficial

Membro Oficial