Crítica - Certain Women (2016)

Realizado por Kelly Reichardt
Com Kristen Stewart, Michelle Williams, Laura Dern


Os filmes de Kelly Reichardt são normalmente exemplos de insipidez técnica e narrativa, mas nas bases dos mesmos costumam estar temáticas curiosas que, pese embora o parco brilho dos filmes e dos seus detalhes, conseguem compensar o espectador e atrai-lo para um filme de outra forma mediano. Tal situação não se aplica ao seu mais recente projeto, o melodrama feminino “Certain Women” que infelizmente não consegue aproveitar a sua história tripartida de forma a transformá-la num bom filme sobre mulheres e dramas humanos.
Tal história acompanha três dramas distintos de três mulheres que não se conhecem, mas que à sua maneira estão interligadas por eventos das suas vidas e pela forma como lidam com os seus problemas. Estas três mulheres são interpretadas por três conceituadas atrizes, Kristen Stewart, Michelle Williams e Laura Dern, que, tal como a história que interpretam, apresentam um certo défice de dinâmica, qualidade e carisma nas suas respetivas performances. O valor deste trio é reconhecido, mas em “Certain Women" não mostram os seus dotes, muito por culpa de uma trama sem qualquer força dramática ou até feminista que não é rentabilizada por nenhum elemento que a ajude a se destacar.

Classificação - 2 Estrelas em 5


0 comentários:

Enviar um comentário

 

Descontos Em Bilhetes de Cinema

Crítica da Semana

Membro Oficial

Membro Oficial