Full width Top advertisement

As Nossas Críticas

Notícias

Post Page Advertisement [Top]

Crítica - Alien (1979)

Crítica - Alien (1979)
Realizado por Ridley Scott
Com Sigourney Weaver, Tom Skerritt, John Hurt, Veronica Cartwright, Harry Dean Stanton

Todos nós conhecemos este clássico que celebrizou Sigourney Weaver e Ridley Scott. O filme de 1979 é uma referência do género e, pelo culto criado e impacto cultural, deu origem a mais três sequelas, mais ou menos bem sucedidas, e a dois spin-off’s muito medíocres. Este filme é o mais bem sucedido no controlo de espaços e na tentativa de criar tensão e terror com o público se o querermos mencionar. Quem não ficou incomodado quando viu pela primeira vez a cena do nascimento do pequeno alien?
Numa época onde o gore e a violência gráfica impera, convém lembrar que o verdadeiro terror não está naquilo que vemos mas sim na nossa imaginação. E este filme gere isso de forma magistral, a claustrofobia do espaço, a criação de tensão da forma mais simples e eficaz possível. Um prodígio a nível técnico na altura, que ainda hoje consegue tirar elogios quase trinta anos após da sua estreia nos cinemas. Isto deve-se ao contributo que toda equipa técnica deu ao filme e sobretudo a H.R Giger pelas suas ideias e elegância que incutiu no Alien e nos seus desenhos.
Convém salientar o Director’s Cut de Ridley Scott que introduz uma cena onde Ripley vê o Captain Dallas num casulo, que apesar de agora não ser nenhum elemento surpresa, na altura poderia condicionar de certa forma o efeito novidade da sequela seguinte. Esta é talvez a diferença mais notória para o filme original. Esta cena tem algumas contestações dos fãs que afirmam que o mistério do filme se perde com esta revelação. Independentemente de tudo este filme que marcou uma época e continuará a influenciar cinéfilos para as gerações seguintes. Um filme obrigatório para qualquer cinéfilo.

Classificação - 4,5 Estrelas Em 5

1 comentário:

  1. Não há nada como o primeiro filme. Apesar de não ser um fanático admirador da Saga Alien, vi todos os filmes e o que mais gostei foi mesmo este primeiro.
    É capaz de ser a obra de ficcção cientifica mais aterradora que já vi, por muitos anos que se passem esta obra de Ridley Scott mantem-se inovadora e brilhante e um autentico clássico do cinema fantástico. Acho que é um filme altamente recomendável....mas claro tudo depende dos gostos.

    ResponderEliminar

Bottom Ad [Post Page]