Ticker

6/recent/ticker-posts

Crítica – The Ugly Truth (2009)

Realizado por Robert LuKetic
Com Katherine Heigl, Gerard Butler, Bree Turner

Depois do sucesso em Anatomia de Grey, Katherine Heigl encarna aqui a personagem de Abby, uma produtora de televisão com dificuldades nos seus relacionamentos com os homens. Quando as audiências do seu programa de assuntos sentimentais começam a cair, o director de programas contrata Mike Chadway (Gerard Butler) um desbocado machista, que expõe em directo as suas ideias sexistas sobre as relações amorosas. No entanto, por debaixo da máscara de machão existe um coração partido que procura a sua metade.


Esta comédia romântica preenche os requisitos do género apresentando romances apaixonados, personagens com empregos invejáveis e muito bonitas, ou seja tudo o que faz sonhar qualquer mulher de classe média às quais o filme se dirige claramente. Se alguma coisa há a salientar são as constantes provocações sexuais, muitas delas absolutamente explícitas, que têm como objectivo também despertar os desejos mais íntimos das espectadoras. O enredo é batido e não apresenta momentos particularmente altos, à excepção do orgasmo público de Abby ainda assim, se tal se pode dizer, bastante assexuado. Os momentos de humor são descontraídos e alternam entre o comportamento pueril de Abby e o chocante de Gerard Butler. A combinação destes elementos aos quais se juntam ambientes muito agradáveis e até de grande beleza visual, como cena final nos balões, faz desta fita um momento de sonho e relaxamento para mulheres que precisam de sonhar com uma vida melhor.

Classificação - 3 Estrelas Em 5

Publicar um comentário

0 Comentários