Full width Top advertisement

As Nossas Críticas

Notícias

Post Page Advertisement [Top]

Entrevista Com Julien Seri, o Ambicioso Realizador do Mediático Night Fare e Que é Louco Pelo Cinema!

Entrevista Com Julien Seri, o Ambicioso Realizador do Mediático Night Fare e Que é Louco Pelo Cinema!
Entrevista Com Julien Seri, o Ambicioso Realizador do Mediático Night Fare e Que é Louco Pelo Cinema!

O Portal Cinema teve o prazer de entrevistar o cineasta, produtor e guionista francês Julien Seri. Pode ser um nome conhecido para boa parte do público, mas Seri é, sem dúvida, um dos cineastas mais promissores e competentes da sua geração, tendo já uma longa filmografia onde se insere, por exemplo, o thriller de terror "Night Fare" que, em 2015, brilhou no MOTELx e em outros festivais de cinema. Falamos com Seri sobre a sua já ilustre carreira, mas falamos também do seu mais recente projeto, "Anderson Falls", que antes da pandemia do Covid-19 estreou no Festival de Cinema de Glasgow. Vamos esperar que o filme passe por cá, mas já foi possível desvendar um pouco do que podemos esperar deste seu novo ambicioso projeto filmado em Hollywood!

Portal Cinema had the pleasure of interviewing French filmmaker, producer and screenwriter Julien Seri. It may be a name unknown to some parts of the public, but Seri is undoubtedly one of the most promising and competent filmmakers of his generation, having already a long filmography that includes, for example, the horror thriller "Night Fare" that, in 2015, shone at MOTELx and other film festivals across the world. We talked to Seri about his already illustrious career, but we also talked about his most recent project, "Anderson Falls", which before the Covid-19 pandemic debuted at the Glasgow Film Festival. Let's wait for the film to premiere in Portugal, but it was already possible to unravel a little of what we can expect from this new ambitious project filmed in Hollywood!

Portal Cinema (PC) - Gostaria de começar por lhe perguntar quando e como é que decidiu embarcar numa carreira profissional na indústria cinematográfica. Quais são os seus principais objetivos e ambições para o seu futuro nesta indústria?/ I would like to start by asking you how did you embark on a professional career in the film industry? What are your main goals and ambitions for your future in this industry?

Julien Seri (JS) - Pratico artes marciais desde criança, por isso é fácil de presumir que gosto de ação. Um dia, um amigo da minha mãe pediu-me para o ajudar no set para transportar algumas coisas e eu aceitei! Por sorte, um dos operadores de câmera não apareceu para trabalhar nesse dia. O realizador precisava mesmo dessa câmera para gravar. Ele explicou-me como a câmera funcionava e disse-me para fazer o meu melhor. À noite, ele olhou para as minhas filmagens e pediu-me para voltar no dia seguinte para continuar a trabalhar com ele. Então contratou-me e foi assim que começou a minha aventura no cinema!

I have been practicing martial arts since I was a child. So I’m an action guy. One day a friend of my mother needed big arms on a set to carry cases. I went there and one of the camera operators did not come. The director needed this camera to record and bring back images. He explained to me how the camera worked and told me to do my best. In the evening, he looked at my footages and asked me to come back the next day to take the camera back. Then he hired me.

PC - Tem uma vasta carreira como diretor, produtor e escritor neste Século XXI. Sei que é uma pergunta injusta, mas qual é o seu projeto favorito até a data e porque?/ You have a vast career as a director, producer and writer in this 21st Century. I know it’s an unfair question, but what is your favorite project till date and why?

JS - "Night Fare" é provavelmente o filme que me trouxe mais alegria. Antes do filme tinha decidido que ia parar de realizar, ou melhor, parar de trabalhar nesta industria, porque já não gostava do que estava a fazer. E, sob o impulso dos meus dois melhores amigos, lançamos este projeto que escrevemos e financiamos. Foi filmado em 3 meses com total liberdade criativa. Eu voltei a apaixonar-me pela ideia de fazer filmes durante esse período.

"Night Fare" is the film that brought me the most joy. I was going to stop being a director. Stop working in this industry. I no longer enjoyed it. And under the impetus of my two best friends, we launched this project that we wrote, financed, cast, produced, and filmed in 3 months with total creative freedom. I felt in love with the idea of making movies during this period.

PC - Quais são as suas principais influências? E tem algum género que goste mais de trabalhar?/ What are your main influences? And do you have a genre you like to work on more than any other?

JS -  Cineastas Visionários! Amo que uma pessoa brilhante leve-me para o mundo dele por 90 minutos. Não tenho por isso nenhum género privilegiado. Ação, comédia, horror, comédia romântica, suspense, ficção científica, western, etc. Eu amo todos os géneros e também gosto de me colocar em perigo e tentar outros estilos de filmes. Já participei em cinco longas-metragens, mais de 600 comerciais, 4 filmes de TV, 70 episódios de séries de TV, dezenas de videoclipes, um documentário. Eu gosto de me testar e experimentar coisas novas. Eu considero-me um artesão, mas também um amante do cinema. 

Visionary filmmakers. I love that a brilliant person takes me into his world for 90 minutes. I don't
privilege a genre. Wether it´s action, comedy, horror, romantic comedy, thriller, science fiction, western, etc… I love all kind of cinema, and above all I also like to put myself in danger and try other styles of films. I have 5 feature films to my credit, more than 600 commercials, 4 TV movies, 70 episodes of TV series, dozens of video clips, and a documentary. I like to test myself and try new things. I consider myself a craftsman, but also a lover of cinema.

PC  – Gostaria de falar sobre o seu mais recente filme "Anderson Falls", que estreou recentemente no Glasgow Film Festival. Como descreve este filme e como sente que o público de Glasgow reagiu ao mesmo?/ I would like to talk about your latest film “Anderson Falls” that you recently premiered at the Glasgow Film Festival. How do you describe this film and how do you feel the audience in Glasgow reacted to it?

JS - É um thriller. Para mim, um filme sobre dois pais que criam o seu filho de maneira diferente. Um protege o filho do horror que a família acabou de passar e o outro, um serial killer, cria o seu filho para assumir o controlo no futuro. Era, portanto, um filme sobre a relação pai-filho no meio de um suspense tenso. A minha intenção era criar um filme atmosférico, um filme independente e singular. Foi um processo lento que se tornou na pós-produção num thriller mais clássico. Eu gostaria que tivéssemos apostado num lado mais singular, mas a escolha dos produtores não foi orientada nesse sentido. Mas a experiência de gravar este filme foi fantástica. 2 semanas e meia de preparação, 18 dias de filmagem e 4 semanas de edição. Tudo em L.A. Um sonho de infância.
O festival de Glasgow reagiu bastante mal ao filme. Isso faz sentido. Os espectadores esperavam sangue e um cinema mais perto do meu filme anterior, "Night Fare", que havia sido aplaudido lá em 2015. O filme recebeu apenas uma boa crítica, mas a mesma foi muito bonita, então compensou.

The film is a thriller. For me it's a film about two fathers who raise their son differently. One protects his son from the horror that their family has just gone through, and the other, a serial killer, raises his son to take over. It was therefore a film on the father-son relationship in the midst of a tense thriller. The film was an atmospheric film, a singular independent film. A slow burn which became in post production a more classic thriller. I would have liked that we dig this singular side. The choice of producers was not oriented on this side. But the experience of this film was fantastic. Two and a half weeks of preparation, 18 days of shooting, 4 weeks of editing. All at L.A. A childhood dream.
The Glasgow festival reacted rather poorly to the film. It made sense. Spectators expected blood and a cinema closer to my previous film, "Night Fare", which had been applauded there in 2015. Only one nice review was made. But a very beautiful one so it compensated.

PC - Quais foram os maiores desafios que teve de enfrentar para produzir este filme?/ What were the main challenges you’ve faced to bring this film to life? 

JS - Um orçamento baixo, 2 semanas e meia de preparação, 18 dias de filmagem e 4 semanas para a edição. Tudo isto foi difícil de conjugar. E eu era o único francês na equipa, ou seja, estava sozinho. Uma amiga minha, Juliette Armangau, acabou por chegar par filmar o making of, mas o pouco tempo de filmagens foi muito complexo.

A low budget, two and a half weeks of prep, 18 days of shooting, 4 weeks for the editing. That was tough. And I was the only french guy in the crew. I was there by myself. A friend of mine, Juliette Armangau, just came to shoot the making of. 

PC - A estrela do filme é o ator Shawn Ashmore, um rosto familiar que protagonizou vários sucessos de bilheteria de Hollywood. Como é que acabou por contratar Shawn Ashore e o que acha que ele trouxe ao filme? Como foi o processo de seleção de elenco?/ The star of the film is Shawn Ashmore, a familiar face that starred in several Hollywood blockbusters. How did you cast Shawn Ashore and what do you feel he brought to the film? How was the casting process for this film?

Fizemos a lista de casting dos nossos sonhos. O Shawn estava lá é claro. Jessica Sherman, que era a nossa diretora de elenco, facilitou todo o nosso contato com todos os atores. Gary Cole foi o primeiro a dizer que sim. Shaw veio a seguir, depois Lin Shaye e todos os outros. Todos gostaram do filme "Night Fare" que tinha feito antes e também acharam que o argumento era bom. Havia coisas para tentar. Todos queriam fazer parte da aventura. Nos Estados Unidos, diferentemente da França, os atores tanto fazem filmes muito grandes como muito pequenos.

We made a dream list. Shawn was on it of course. Jessica Sherman was our casting director. It facilitated our contact with all the actors. Gary Cole was the first to say yes. Shaw followed, then Lin Shaye and everyone else. They all liked "Night Fare", and the script was successful. There were things to try. All wanted to be part of the adventure. In the United States, unlike France, actors make very big and very  small films.

PC - Tendo em consideração a sua vasta experiência na indústria cinematográfica, como acha que esta pandemia de Covid-19 afetará a indústria? Acredita que isso mudará a maneira como o público vê filmes? Os serviços de streaming conquistarão vantagem sobre os cinemas tradicionais?/ Taking in consideration your vast experience on the film industry, how do you feel this Covid-19 pandemic will affect the industry? Do you believe it will change the way the audience sees movies? Will the streaming services conquer the upper hand over traditional movie theaters?

JS - Espero que esta pandemia nos faça perceber que não podemos ver só blockbusters. E eu amo blockbusters. A busca pelo significado deve assumir o controlo, mesmo nos blockbusters. O cinema é vivido e não apenas consumido por consumidores sedentos por ações e efeitos especiais cada vez mais sem uma visão deste mundo. O cinema perde força ao se tornar num simples produto de consumo. Sou um eterno sujeito positivo, então espero que isto desperte a consciência dos nossos produtores e financiadores ... Grandes filmes foram e são feitos por grandes cineastas. Cineastas visionários.

I hope this pandemic will make us realize that we can´t only see blockbusters. And I love blockbuster. The quest for meaning should take over, even in blockbusters. Cinema is lived and does not only consume by consumers thirsty for ever more actions and special effects without a vision of this world. Cinema loses its strength by becoming a simple consumer product. I am an eternal positive guy, so I hope it will raise the awareness of our producers and financiers ... Great movies was and are made by great filmmakers. Visionary filmmakers. 


PS - É uma pergunta difícil, tendo em consideração os tempos imprevisíveis que estamos a viver, mas tem planos para o futuro próximo? Sei que tem vários projetos em pré-produção, mas pode-nos dizer alguma coisa sobre eles?/ It’s a hard question taking into consideration the unpredictable times we’re living in, but do you have any plans for what you’ll do next? I know you have several projects in pre-production, but can you tell us anything about them?

JS - Estou a trabalhar em alguns projetos. Um deles é um novo documentário, que já estava a ser filmado em França antes do confinamento, sobre um dos maiores casos criminais dos anos 70. Também estou a preparar um novo filme nos EUA que será um filme de ação, mas também um thriller produzido entre o Canadá e a Bélgica. Também estou a planear uma série de TV em França que devemos filmar neste verão, e outro filme que vou produzir de forma independente em França neste Outono. Muitos projetos interessantes.

I'm working on a few projects. A new documentary in France which was already filming before the confinement, on one of the biggest criminal cases of the 70s. A new film in the USA which will be an action film, a thriller produced between Canada and Belgium, a TV serie in France that we are suppose to shoot this summer, and another movie that I will produce independently in France this autumn. Lots of exciting projects.


Sem comentários:

Publicar um comentário

Bottom Ad [Post Page]