Ticker

6/recent/ticker-posts

Após Brilhar Com Emotivo Documentário, Barbará Paz Estreia o Seu Novo Filme em Veneza


 

Depois de conquistar o Leão de Melhor Documentário no Festival de Veneza de 2019, a atriz e diretora Bárbara Paz está de volta ao evento. Desta vez, Bárbara apresentará a curta “Ato”, protagonizado por Alessandra Maestrini e Eduardo Moreira. O filme foi selecionado para a seleção Orizzonti Short Films. 

Num mundo suspenso e solitário, Dante se encontra em um processo de travessia. A sua única companhia: Ava - uma profissional do afeto”. “Ato” é produzido pela Rubim Produções e BP Filmes. Tatyana Rubim e Bárbara Paz assinam a produção. Cao Guimarães (“O homem das multidões”) assina o roteiro e a montagem fica a cargo de Renato Vallone (“Cinema Novo”). Azul Serra (“Ninguém Tá Olhando”) assina a direção de fotografia. 

“Em um mundo onde a solidão foi a maior protagonista, com palcos vazios   e o medo constante da morte. O afeto é o Ato, a fuga, o desejo fundamental da sobrevivência.”, comenta a diretora Bárbara Paz. E, ainda complementa: “É um honra tão grande voltar ao grande Festival de Veneza com meu primeiro filme de ficção. Um pequeno ATO de silêncio e solidão”.  

“Em um mundo onde a solidão foi a maior protagonista, com palcos vazios   e o medo constante da morte. O afeto é o Ato, a fuga, o desejo fundamental da sobrevivência.”, comenta a diretora Bárbara Paz. E, ainda complementa: “É um honra tão grande voltar ao grande Festival de Veneza com meu primeiro filme de ficção. Um pequeno ATO de silêncio e solidão. Como diria Tartovsky: ‘“A função atribuída à arte não é, como frequentemente se presume, apresentar ideias, propagar pensamentos, servir de exemplo. O objetivo da arte é preparar a pessoa para a morte, arar e fustigar sua alma, tornando-a capaz de se voltar para o bem.’”. 

 

Enviar um comentário

0 Comentários