Ticker

6/recent/ticker-posts

Festival de Berlim 2012 - Vencedores

Os vencedores do Festival de Berlim 2012 foram anunciados esta tarde. O Júri Oficial do Festival atribuiu o Urso de Ouro a "Caesar Must Die", um drama italiano da autoria de Paolo e Vittorio Taviani, que era tido como um dos favoritos à vitória final devido à sua criativa narrativa onde seguimos um grupo de reclusos de uma cadeia romana que decidem fazer uma encenação amadora da famosa peça "Julio César", de William Shakespeare. "Caesar Must Die" também venceu o Prémio do Juri Ecuménico. O Urso de Prata – Grande Prémio do Júri foi atribuído a "Just The Wind", de Bence Fliegauf. O excelente drama "Tabu", de Miguel Gomes, não levou para casa o Urso de Ouro mas venceu o Prémio FIPRESCI (Prémio da Crítica) e o Prémio Alfred Bauer, um galardão que é atribuído aos filmes que mais contribuíram para inovar e melhorar o cinema. A nova curta de João Salaviza, "Rafa", venceu o Urso de Ouro de Melhor Curta-Metragem. Após ter ganho a Palma de Ouro de Melhor Curta-Metragem no Festival de Cannes 2009 por “Arena” (2009), Salaviza voltou a comprovar o seu enorme talento ao vencer mais um prémio de relevo num famoso certame internacional. Meryl Streep venceu o Prémio Carreira. O Júri Oficial do Festival de Berlim 2012 foi presidido por Mike Leigh e composto por Jake Gyllenhaal, Charlotte Gainsbourg, Barbara Sukowa, François Ozon, Anton Corbijn e Asghar Farhad.

Urso de Ouro de Melhor Filme
"Caesar Must Die", de Paolo e Vittorio Taviani (Itália)

Urso de Prata – Grande Prémio do Júri
"Just The Wind", de Bence Fliegauf (Hungria)

Urso de Prata de Melhor Realizador
Christian Petzold por "Barbara" (Alemanha)

Urso de Prata de Melhor Actriz
Rachel Mwanza por "Rebelle" (Canadá)

Urso de Prata de Melhor Actor
Mikkel Boe Folsgaard por "En Kongelig Affære" (Dinamarca)

Urso de Prata de Melhor Contribuição Artística
Lutz Reitemeier por "White Deer Plain" (China)

Urso de Prata de Melhor Argumento
"A Royal Affair", de Nicolai Arcel e Rasmus Heisterberg (Dinamarca)

Prémio Alfred Bauer – Filme Mais Inovador
"Tabu", de Miguel Gomes (Portugal)

Prémio de Melhor Primeiro Filme
"Kauwboy", de Boudewijn Koole (Holanda)

Urso de Ouro de Melhor Curta-Metragem
"Rafa", de João Salaviza (Portugal)

Urso de Prata – Prémio do Júri de Melhor Curta-Metragem
"Gurehto Rabitto", de Atsushi Wada (França)

Prémio da Crítica Internacional – FIPRESCI
"Tabu", de Miguel Gomes (Portugal)

Prémio do Júri Ecuménico
"Caesar Must Die", de Paolo e Vittorio Taviani (Itália)

Enviar um comentário

0 Comentários