Mais Recentes

Post Top Ad

Your Ad Spot

terça-feira, setembro 18, 2018

Crítica - Four Hands (2018)


Realizado por Oliver Kienle
Com Frida-Lovisa Hamann, Friederike Becht, Christoph Letkowski 

Sinopse -  Após Sophie e Jessica terem testemunhado o brutal assassinato dos pais quando eram crianças, Jessica prometeu proteger para sempre a sua irmã mais nova. Com o passar dos anos, esta promessa tornou-se uma obsessão. Agora, Jessica sofre de paranóia e vê por toda a parte ameaças contra si e a sua irmã. Mas Sophie quer viver uma vida normal, sem medo e sem a sua irmã. Quer tornar-se pianista e namorar. Quando os autores do homicídio são libertados após uma pena de 20 anos, Jessica fica chocada e quer confrontá-los. Mas um acidente vai mudar tudo. A promessa de Jessica irá tornar-se num pesadelo existencial. A segunda longa-metragem do jovem realizador Oliver Kienle é um exercício de tensão psicológica em torno da ideia de trauma e identidade, que reforça a posição do cinema germânico no universo do terror europeu.

Crítica - Chegou ao MOTELx 2018 já após ter percorrido vários festivais de cinema e até mesmo após já ter sido exibido em certos circuitos comerciais, mas ainda bem que "Four Hands" acabou por chegar a Portugal, já que se revela um interessante thriller. É um projeto independente bem feito e bem pensado que nos promove uma intriga emocionante, surpreendente e curiosa. Não é por isso de estranhar que "Four Hands" esteja também a ser exibido nos Estados Unidos da América!
Embora aposte num twist que se revela previsível desde o início, "Four Hands" vai construído à medida que se desenvolve uma intriga intransigente que explora elegantemente uma onda de suspense que acaba por render uma boa história. Esta mistura elementos de um drama familiar de vingança e de um thriller psicológico, sendo que a união entre o suspense, a tensão, o drama e, claro, a dúvida acabam por fornecer elementos de qualidade de sobra que são muito bem trabalhados por uma equipa talentosa. É certo que Oliver Kienle não reinventou o género com esta produção, mas atendendo ao potencial inicial do projeto, acabou por apresentar algo que convence mas que, acima de tudo, foi muito bem feito. Um outro grande destaque de "Four Hands" é o seu elenco feminino de elevada qualidade e muito promissor que é liderado por Frida-Lovisa Hamann e Friederike Becht.

Classificação - 3,5 Estrelas em 5

Sem comentários:

Enviar um comentário

Post Top Ad

Your Ad Spot

Páginas