Full width Top advertisement

As Nossas Críticas

Notícias

Post Page Advertisement [Top]

Crítica - XX (2018)

Crítica - XX (2018)
Crítica - XX (2018)
Realizado por Jovanka Vuckovic, Annie Clark, Roxanne Benjamin e Karyn Kusama

Para os fãs de terror, as antologia são uma boa opção para apreciar, no mesmo projeto, várias histórias, abordagens e ideias dentro do universo que tanto apreciam. É claro que há antologias melhores que outras, mas se há género onde esta estratégia funciona é no terror, onde apenas é preciso alguma imaginação para prender o espectador a um conceito terrorífico com alguma eficácia e sem perder muito tempo. Não é portanto um género que dependa muito do tempo, do dinheiro ou dos valores de produção como outros, sendo precisamente por isso que as antologias de terror resultam muito melhor que as antologias de outros géneros. 
No meio termo entre uma boa e uma má antologia de terror está "XX", um projeto que passou pelo MOTELx e que agora está disponível na Netflix. Trata-se de uma antologia de cinco curtas-metragens de terror que contam histórias de temática tradicional, todas elas a partir de um ponto de vista feminino. A primeira história live action intitulada "The Box" apresenta uma trama curiosa e um nível acima da média que capta na perfeição a essência daquilo que uma curta de uma antologia deve ter, sendo por isso, na minha opinião, a melhor da antologia, apesar de apresentar um terror mais preso ao suspense. As outras quatro (incluindo a curta de animação que nos aparece nos intervalos das quatro curtas live action) ficam um pouco aquém, mas entre a primeira e a quarta história intitulada "Her Only Living Son", "XX" tem alguns pontos de valor. O seu ponto mais débil acaba por ser a segunda curta intitulada "The Birthday Party" que, acima de tudo, perde por ser um pouco parada e por não ter grande ligação com as outras. Já a terceira curta intitulada "Don't Fall", embora seja a mais grotesca, tem algumas falhas técnicas que a prejudicam. Há também que abordar a curta de animação que aparece entre as obras live-action. Embora tenha um bom conceito artístico, acredito que a sua posição no projecto não a beneficiou e acaba por lhe acrescentar muito pouco.

Classificação - 2,5 Estrelas em 5

Sem comentários:

Publicar um comentário

Bottom Ad [Post Page]