Mais Recentes

Post Top Ad

Your Ad Spot

sexta-feira, janeiro 18, 2019

Crítica - Fences (2017)

Realizado por Denzel Washington
Com Denzel Washington, Jovan Adepo, Viola Davis

Não há dúvidas que Denzel Washington é a principal força motriz por detrás de “Fences”, um drama familiar e existencial que, há um par de anos atrás, surpreendeu no circuito de cinema independente. Para além de o protagonizar, Washington também assumiu a sua realização, daí ser impossível de dissociar o seu profissionalismo e competência ao sucesso do filme.  E realmente Washington dá um show na pele de Troy Maxson, um trabalhador camarário de Pittsburgh que sonhou ter uma carreira no basebol, algo que nunca se concretizou porque já era demasiado velho quando as ligas principais começaram a aceitar jogadores negros. Ele tenta ser um bom marido e pai, mas o seu sonho perdido de glória consome-o e força-o a tomar uma decisão que ameaça destruir a sua família.
Quer na pele de Maxson, quer no seu cargo de Realizador, Washington conseguiu transformar “Fences” num bom filme. Não surgiu, portanto, como surpresa o sucesso que o filme obteve junto da crítica, como também não surpreendeu a nomeação de Washington ao Óscar de Melhor Ator. É notório que este projeto teve muita importância para este veterano ato que, nitidamente, esforçou-se para apresenta um produto final digno. A sua trama pode ser, por vezes, demasiado parada, mas não há dúvidas que apresenta diálogos fantásticos e uma intriga dramática e familiar muito apelativa. É um profundo e poderoso retrato de um homem de família que, pese embora os seus esforços de ser um bom homem, acaba por cometer erros e por ter que lidar com as nefastas consequências das suas ações. É muito interessante acompanhar os avanços e recuos da vida de Maxson e a forma como este enfrenta a sua realidade, como também é uma delícia de acompanhar as suas iterações com as restantes personagens. E tudo isto se deve a um argumento muito bem construído, mas também a uma performance excelente de todo o elenco liderado por Washington. Entre os principais destaques está também Viola Davis que, uma vez mais, exibe toda a sua qualidade na pele da mulher dedicada do protagonista!

Classificação - 3,5 Estrelas em 5

Sem comentários:

Enviar um comentário

Post Top Ad

Your Ad Spot

Páginas