Ticker

6/recent/ticker-posts

Crítica - Soul (2020)

Realizado por Peter Docter

 

Salvo uma surpresa de proporções épicas, "Soul" ganhará em Abril o Óscar de Melhor Filme de Animação. E será uma vitória mais que justa...A Pixar já nos habituou a grandes filmes com grandes mensagens, mas poucos têm uma dimensão moral e existência tão marcante como este. Para além da já habitual qualidade técnica, "Soul" apresenta um argumento de enorme qualidade que é bem capaz de o ter tornado no filme mais "adulto" de sempre da Pixar, já que explora de forma direta e clara o tema mais adulto de todos: a morte. 
Sem envolver religião, teorias ou pensamentos negativos, "Soul" introduz às gerações mais novas vários conceitos complicados de assimilar, como a teoria das almas ou o conceito de morte, mas acaba por o fazer de uma forma tão delicada e tão divertida que poderá até torná-lo na ferramenta ideal para os pais ensinarem aos seus filhos o conceito de morte e alma. Já com "Inside Out", a Pixar explorou os temas complexos das emoções e do crescimento e adaptou-os a uma história belíssima que tem servido como ferramenta para muitos educadores explicarem aos mais novos o poder das emoções. E "Soul" poderá fazer o mesmo por um tema ainda mais complexo.

Mesmo para os mais velhos, "Soul" oferece uma perspectiva da vida após a morte muito esperançosa. Mas o filme é inteligente o suficiente para não se focar em excesso neste tema, já que o aborda sem o mostrar e isso é realmente muito inteligente. O que "Soul" acaba por transmitir não é nenhuma teoria filosófica sobre a vida ou morte, mas sim uma mensagem global e positiva sobre o valor da vida e de como todos nós a devemos aproveitar porque, na verdade, não sabemos o que vem a seguir....

Embora aproveite um tema tão negativo como a morte para lançar a sua trama, certo é que acaba com uma entoada muito positiva e cheia de esperança que certamente não deixará corações tristes. É claro que é um filme que puxa muito pela emoção, por valores e pela alma, mas é sobretudo um produto animado que pretende deixar os espectadores em alta.  E é por isso que acaba de forma tão positiva com e várias lições valiosas em cima da mesa.


Classificação - 4,5 Estrelas em 5

Enviar um comentário

0 Comentários