Ticker

6/recent/ticker-posts

Crítica - Sputnik (2020)

Crítica - Sputnik (2020)

Realizado por Egor Abramenko

Com Pyotr Fyodorov, Anton Vasilev, Fedor Bondarchuk


Oriundo da Rússia e exibido em Portugal no MOTELx 2020, "Sputnik" foi, para o Portal Cinema, um dos 10 Melhores Filmes Sci-Fi de 2020. Um título justificado pela competência de uma trama que, pese embora inspirada nas bases de "Alien", consegue trazer algo de novo ao género, algo que nem próprio as versões mais recentes da saga "Alien" conseguiram....

E porque é que dizemos que "Sputnik" é a resposta da Rússia a "Alien"? As pistas começam na sua história, onde seguimos a bizarra jornada do único sobrevivente de um misterioso acidente espacial que, como se eventualmente descobre, não regressou à Terra sozinho. Este astronauta (ou cosmonauta já que é russo) esconde no seu corpo uma perigosa criatura... A sua única esperança é uma médica que está disposta a fazer tudo o que for preciso para salvar o seu paciente. É claro que as bases são similares a "Alien", mas "Sputnik conquista o seu próprio espaço ao enfrentar um ambiente mais dramático, onde dilemas e escolhas morais são evidenciadas...

Um dos grandes destaques do filme é o seu realizador, Egor Abramenko, que soube aprimorar uma trama algo minimalista com detalhes técnicos de qualidade. Mas acima de tudo, Abramenko soube dotar o filme com um ritmo adequado que ajuda a promover uma história que, pese embora algumas lacunas e clichés, consegue nutrir o suspense de uma forma muito adequada. Os fãs de terror e ficção cientifica não ficaram desapontados...


Classificação - 3,5 Estrelas em 5

Enviar um comentário

0 Comentários