Ticker

6/recent/ticker-posts

Christina Applegate Anuncia Que Foi Diagnosticada Com Esclerose Múltipla



A atriz Christina Applegate, conhecida pelas suas elogias performaces em populares comédias como "The Sweetest Thing" (2002), "Anchorman: The Legend of Ron Burgundy" (2004), "Hall Pass" (2011) ou a recente e bem sucedida série da Netflix "Dead to Me", anunciou publicamente no Twitter que foi diagnosticada com Esclerose Múltipla. A atriz revelou que recebeu o diagnóstico há já alguns meses e que a jornada desde então sido desafiadora, mas expressou o seu otimismo com o tratamento e o apoio que tem recebido da sua família.

Embora seja uma doença crónica sem cura, a Esclerose Múltipla, como outras doenças auto-imunes é, hoje em dia, uma doença que, na maior partes dos casos, é controlada pela medicação existente no mercado, medicação esta que permite aos pacientes terem já uma esperança média de vida semelhante à população geral. Embora seja uma doença de evolução incerta, já que afeta todos os pacientes de forma diferente, a maior parte dos pacientes só desenvolve sequelas graves ao fim de décadas. Embora sendo uma doença crónica, não é considerada uma doença fatal. Nos últimos anos, os diagnósticos de Esclerose Múltipla têm aumentado no Ocidente, sendo a doença auto-imune que mais afeta as faixas mais jovens (entre os 20 40 anos), no entanto, este diagnóstico já não é considerado uma sentença de morte ou invalidez como o era no Século XX devido aos avanços das terapêuticas.

A famosa autora de "Harry Potter", J.K Rowling, não sofre desta doença, mas é bem conhecida a luta que a sua mãe travou contra a Esclerose Múltipla. Rowling é, por isso, uma das maiores doadoras para pesquisas relacionadas com esta doença crónica. Recentemente outra atriz de Hollywood, Selma Blair, também revelou que foi diagnosticada com Esclerose Múltipla, sendo que a doença já lhe retirou alguma mobilidade mas não diminuiu a sua qualidade de vida ou capacidade profissional, já que Blair permanece ativa e com vários projetos na agenda. 

Enviar um comentário

0 Comentários