Adeus Naruto, o Herdeiro de Dragon Ball - O Fim De Mais Uma Era

O popular mangá "Naruto" chegou ao fim, após quinze anos de sucesso. Criado em 1997 por Masashi Kishimoto, "Naruto" juntou-se desde cedo à elite das bandas desenhadas japonesas graças aos seus impressionantes recordes de vendas e aos milhões de fãs que conquistou em todo o mundo. Para além da sua versão original em mangá, "Naruto" cruzou diversas fronteiras para outros meios graças a uma vasta imensidão de produtos conexos, como séries de televisão, jogos, filmes, cartas colecionáveis e outros objetos de merchandising que ajudaram a mediatizar ainda mais a popular jornada de Naruto, um jovem ninja com grandes sonhos e ambições que, na sua demanda para se tornar no líder da sua vila ninja, percorre uma extensa jornada repleta de perigos mortais e fortes inimigos para cumprir todos os seus sonhos e ajudar os seus amigos.
Ao fim de quinze anos, a impressionante jornada de Naruto acabou sem surpresas e com a esperada vitória do bem sobre o mal, deixando agora um rasto de melancolia e saudade junto de todos os seus fãs que, durante este tempo todo, acompanharam de perto e com ansiedade as suas explosivas aventuras. A série televisiva baseada em "Naruto" também terminará oficialmente este ano, deixando assim o franchise orfão de conteúdos que estão relacionados com o seu núcleo central. É certo que, para já, estão prometidos alguns capítulos extra do mangá para completar a série, mas o seu arco central foi encerrado com sucesso e todos os seus mistérios foram revelados. A saga continuará, ainda assim, bem presente entre nós graças a produtos secundários, como filmes ou bonecos, mas o centro nuclear de "Naruto" acabou definitivamente este mês com o lançamento do capítulo 500 do mangá.
Nos últimos anos, "Naruto" foi globalmente considerado o mangá/ anime mais popular da atualidade, a par de outros produtos de sucesso, como "One Piece" e "Bleach", que também caminham a passos largos para a sua conclusão, aliás "Bleach" já tem até o seu final anunciado. O seu sucesso avassalador seguiu-se ao longo reinado de popularidade de "Dragon Ball", um dos mangás mais marcantes da história mundial, que quando terminou, em 1995, também deixou uma onda de saudade junto dos seus milhões de fãs que ainda hoje está bem presente. O mesmo acontecerá com "Naruto", cuja popularidade rivaliza com a fama e mediatização dessa icónica saga criada por Akira Toriyama em 1984 e que apresentou ao mundo as aventuras de Goku, um dos maiores guerreiros da história da banda desenhada mundial. Tal como "Dragon Ball", Naruto" continuará entre nós durante algumas décadas graças às previsíveis spin-offs, filmes, sequelas, reboots e outros produtos de merchandising que vão surgir no mercado para fazer face à procura dos fãs, mas tais produtos pecarão sempre em comparação com a versão original que conquistou a imaginação de milhões de pessoas em todo o mundo, sendo essa versão que importa agora celebrar e recordar. 


0 comentários:

Enviar um comentário

 

Descontos Em Bilhetes de Cinema

Crítica da Semana


Membro Oficial

Membro Oficial